Sites que Recomendo:
Verdade e Vida
Rev. Hernandes

UMBET

 

ESTUDO DE JUÍZES CAP. 9 – Abimeleque

O Verdadeiro Chamado

Abimeleque: Sig.: Meu Pai é rei.

Autossuficiência (na liderança) e conveniência (na igreja)

Soberba – autossuficientes (Filhos de Abimeleque).

Jz. 9.2 – “Falai, peço-vos, aos ouvidos de todos os cidadãos de siquém: Que vos parece melhor: que setenta homens, todos os filhos de Jerubaal, dominem sobre vós, ou que apenas um domine sobre vós? Lembrai-vos também de que sou osso vosso e carne vossa.”

 Observação: Abimeleque se autodenominou rei, um líder sobre siquém, ao invés de 70 homens liderando, um seria suficiente, fazendo assim a cabeça dos cidadãos de siquém, e já apontando para ele, lembrem-se: somos parentes, temos o mesmo sangue.

O seu erro foi se achar suficiente para liderar, um posto elevado acima de todos, um rei, que seu próprio pai Gideão havia recusado. “Não dominarei sobre vós, nem tampouco meu filho dominará sobre vós; o Senhor vos dominará.” Jz.8.23.

Aplicação: Deus é quem chama para obra, e não o homem que auto se denomina suficiente para o cargo.

Ex: o próprio Gideão, Davi, Isaías, Moisés...., recusaram o chamado de Deus em primeiro momento, alegando na maioria das vezes sendo o menor de sua casa ou impuro para o ministério. Jz. 6.15 “....e eu, o menor na casa de meu pai..”

Convenientes – sem aprovação de Deus (Filhos dos siquemitas)

Jz. 9.3-4 – “Então os irmãos de sua mãe falaram a todos os cidadãos de Siquém todas aquelas palavras; e o coração deles se inclinou a seguir Abimeleque, porque disseram: É nosso irmão. Vs4 E deram-lhe setenta peças de prata, da casa de Baal-Berite.”

Observação: os siquemitas acharam conveniente ser abimeleque o seu líder e rei, pois ele havia os convencido com suas palavras, e os siquemitas disseram: é nosso irmão , ele tem o nosso sangue.

Aplicação: Os siquemitas foram passivos quanto à verdadeira vontade de Deus. Pois acharam mais eficiente e conveniente colocarem alguém do seu parentesco para governar sobre eles.

A parábola das Árvores - O Verdadeiro Chamado

Jz. 9.8-9 – “Foram certa vez, ás arvores ungir para si um rei e disseram a oliveira: Reina sobre nós.

Vs9 Porém a oliveira lhes respondeu: Deixaria eu o meu óleo, que Deus e os homens em mim prezam, e iria pairar sobre as árvores?

Vs.10-11 – “...Figueira: Deixaria eu a minha doçura, o meu bom fruto e iria pairar sobre as árvores?”

Vs.12-13 – “...Videira: Deixaria eu o meu vinho, que agrada a Deus e aos homens, e iria pairar sobre as águas?”

Vs.14-15 – “Então todas as árvores disseram ao espinheiro: Vem tu e reina sobre nós. Vs15 Respondeu o espinheiro as árvores: Se, deveras, me ungis reis sobre vós, vinde e refugiai-vos debaixo de minha sombra; mas, se não, saia do espinheiro fogo que consuma os cedros do Líbano.”

Observação: Esta parábola apresenta 3 personagens:

  • As árvores -  representa os cidadãos de Siquém.

  • Espinheiro: Representa Abimeleque;

  • As árvores nobres (frutíferas): Representa o Homem Espiritual (sensato -Gideão).

Aplicação:

Ás arvores – são os “siquemitas” nas igrejas modernas hoje, ou seja os membros da igreja, não conseguem esperar em Deus e aguardar o tempo necessário para desenvolver homens qualificados para servirem como pastores/bispos/presbíteros, eles querem líderes já – “eficientes” e convenientes.

Ignorância Espiritual – os membros mornos, não buscam o conhecimento profundo da palavra, e cedem como presas fáceis a uma boa conversa de homens “Filhos de Abimeleque”, SEM a AUTORIZAÇÃO de DEUS.

At.17.11 –“Ora, estes de Beréia eram mais nobres que os de Tessalônica; pois receberam a palavra com a avidez (desejo ardente, sede), examinando as Escrituras todos os dias para ver se as coisas eram, de fato, assim.”

Ap.3.16 – “Assim, porque és morno e nem és quente nem frio, estou a ponto de vomitar-te da minha boca.”

Espinheiro – podemos dizer que são os “Filhos de Abimeleque” hoje, pessoas não autorizadas por Deus para exercer uma posição (ministério). Homens que não respeitam a vontade de Deus, por soberba e orgulho, aceitam posições dentro da igreja.

“Filhos de Abimeleque” – auto se denominam lideres, sem as qualificações necessárias.

Qualidades de um líder: 1Tm. 3.1-7 e Tito 1.5-9 (Ex: louvor, presbíteros, autoridades do nosso país).

Além das qualidades citadas, um líder precisa ter visão e projeto ministerial, senão toda igreja ficará morna.
Pontos importantes de um líder:

  • Projeto Missões local (ponto estratégico localizado, onde está inserida a igreja);

  • Projeto Escola Dominical (investir em livros, qualidade de ensino-material, de cada departamento)

  • Projeto Liderança-professores (investir na qualidade dos professores, Ex: CTL)

  • Projeto Ministerial de Louvor (investimento instrumental e pessoal. Ex: aulas de musica)

Resultado: investimento interior da igreja - vida dos membros, longo prazo = igreja forte e preparada para dar suporte a todo tipo de pessoas.

1Tm. 4.14-15 – “Não te faças negligente para com o dom que há em ti, o qual te foi concedido mediante profecia, com a imposição das mãos do presbitério. Vs15 Medita coisas sê diligente, para que o teu progresso a todos seja manifesto”.

Arvores nobres (frutíferas): são homens sensatos, guiados pelo Espirito Santo a não fazer a sua vontade, conhecem o querer de Deus pra suas vidas, o seu dom, seu ministério, e não se atrevem a se colocarem em posições que Deus não lhes ordenou, fazem com perfeição o talento que Deus lhes deu.

Homens íntegros, assim como Gideão, sabem dizer não “Não dominarei sobre vós, nem tampouco meu filho dominará sobre vós; o Senhor vos dominará.” Jz.8.23.

A profecia de Jotão se cumpre – Jz.9.22-57.

Jz. 9.19-20 – “se, deveras e sinceramente, procedestes, hoje, com jerubaal e com sua casa, alegrai-vos com abimeleque, e também ele se alegre convosco. Vs20 Mas, se não, saia fogo de Abimeleque e consuma os cidadãos de Siquém e Bete-milo; e saia fogo dos cidadãos de Siquém e de Bete-Milo, que consuma a Abimelque.”

Jz. 9.23 – “Suscitou Deus um espírito de aversão entre Abimeleque e os cidadãos de Siquém.....”

Jz.9.49 – Torre de Siquém – fortaleza subterrânea no templo de El-Berite.(mortos queimados)

Jz.9.50-53 – Tebes – torre forte – Abimeleque é atingido por uma pedra lançado por uma mulher da torre.

Jz.9.54 – Abimeleque morre de forma humilhante pelo seu escudeiro, para que não fosse honra de uma mulher.

Jz.9.57 – “...Assim, veio sobre eles a maldição de jotão...”

Conclusão:

Ap.3.19 - “Eu repreendo e disciplino a quantos amo. Sê, pois, zeloso...”

Tg. 1.25 – “... operoso praticante, bem aventurado no que realizar”.

Então o que precisa ser feito? É preciso dobrar os joelhos e pedir que Deus comece a intervir na vida da igreja, de forma que comece a ver mudança dos membros p/ lideres ou vice-versa. Deus é quem sabe por onde ele vai começar. Sair da inercia, da mornidão e deixar o Espirito Santo guiar, orando e pedindo a destruição de todo espirito de Abimeleque e siquemitas que pode existir na igreja.

Deus tem um amor muito grande pela igreja, Ele disciplina para seu crescimento espiritual, melhorando a qualidade da liderança e dos membros liderados, a consequência é um melhor ensino com aplicações espirituais.         Deus pede que sejamos zelosos e diligentes como os da igreja de Beréia, que estudavam e buscavam um conhecimento profundo da bíblia, e não ignorantes Espirituais como os siquemitas, querendo um líder a qualquer custo, “eficientes” e convenientes.

Sê, pois, diligente quanto a posição em que você está, ou que os outros querem que você esteja, não seja soberbo aos seu próprios olhos, não se coloque naquilo em que Deus não te mandou fazer (Abimeleque).

Sejamos como as árvores nobres, que sabiam o seu chamado, e faziam com supremacia (qualidade), e por isso se colocavam no seu devido lugar, não se atreveram a fazer o que Deus não lhes mandou fazer.

Lucas C. Scalco – Machado, 23/08/2013.